top of page
  • sintrafap

SINTRAF AP lamenta morte do empregado Caixa

Diretor da Caixa Econômica Federal é encontrado morto na sede do banco, em Brasília

O diretor de Controles Internos e Integridade da Caixa, Sérgio Ricardo Faustino Batista, foi encontrado morto na noite desta terça-feira no edifício-sede do banco, na região central de Brasília.


A Diretoria de Controle Interno e Integridade (DECOI) é o setor para onde são levadas todas as denúncias reportadas ao canal de atendimento criado pela Caixa, incluindo as de assédio sexual, como as que resultaram na demissão do ex-presidente do banco Pedro Guimarães, que nega as acusações.

A diretoria do Sindicato dos Trabalhadores do Ramo Financeiro do Estado do Amapá lamenta a morte do empregado da Caixa e se solidariza com a família e amigos de Sérgio Batista.


Batista era funcionário de carreira da Caixa – entrou para o banco em 1989 e assumiu a diretoria de controles internos por processo seletivo em março de 2022.


Apurações preliminares indicam tratar-se de suicídio. A tragédia chama atenção porque a diretoria de Sérgio Faustino Batista tem relação direta com as denúncias de assédio envolvendo o então presidente da Caixa, Pedro Guimarães. A área também poderia estar entre as que passariam por mudanças na reestruturação que a presidente do banco está promovendo. É imperativo que as investigações sigam com isenção! Em nota, a Caixa manifestou pesar pela morte e disse que contribui para apuração do caso. As informações são do G1.


"Como empregado Caixa fico muito triste quando acontece o falecimento de um colega de trabalho, principalmente nestes tempos onde todos vem sofrendo uma grande pressão por metas abusivas e imbatíveis. Gostaria neste momento me solidarizar com a família desse colega por essa grande perda." declarou Edson Azevedo Gomes Diretor Administrativo e Financeiro do SINTRAF/AP e empregado da Caixa Econômica Federal.



Fonte: Seeb Catanduva com edições do SINTRAF/AP

10 views0 comments

Comments


bottom of page