top of page

SINTRAF/AP segue avançando na luta para inclusão da categoria nos Planos de Imunização contra a COVI

O Sindicato dos Trabalhadores do Ramo Financeiro do Estado do Amapá segue avançando na luta para inclusão da categoria bancária e terceirizados nos Planos de Imunização Municipal e Estadual contra a COVID-19.

Hoje, dia 01 de junho, nossa solicitação foi pauta de votação na Assembleia Legislativa do Estado do Amapá através do Requerimento nº 0711/21 -AL, que solicita junto ao Governo do Estado do Amapá, a inclusão da categoria no Plano Estadual de Imunização.

O SINTRAF/AP aguarda conclusão dos trâmites legais para divulgar o planejamento e cronograma da vacinação para a categoria.

A aprovação do requerimento deve seguir as diretrizes do Plano Nacional de imunização e para que haja alteração em nível estadual deve ser discutida em CIB (Comissão Intergestores Bipartite) instancia deliberativa que reúne representantes das secretarias municipais e estaduais de saúde.

Até o momento o SINTRAF/AP encaminhou mais de 13 ofícios em diversas esferas, prefeituras municipais, câmaras municipais, assembleia legislativa e governo do estado, sendo aprovadas por unanimidade na Câmara dos Vereadores do Município de Macapá e na Assembleia Legislativa do Estado do Amapá.

O sindicato vem protestando em prol das vacinas desde o anuncio do Plano Nacional de Imunização pelo Governo Federal. O Comando Nacional dos Bancários enviou um oficio em dezembro de 2020 para o Ministro da Saúde a fim de tratar da priorização da categoria, mas não obteve resposta. O pedido foi reiterado em fevereiro de 2021.

É importante que todo o processo respeite a legalidade jurídica para assegurar legitimidade da categoria bancária e trabalhadores terceirizados na priorização das vacinas.

0 views0 comments

コメント


bottom of page