top of page
  • sintrafap

Dia Nacional de Luta, Sintraf/AP vai às ruas reivindicar mais saúde para todas e todos

A ação foi realizada para marcar o setembro amarelo na Campanha Menos Metas Mais Saúde

Na manhã da última terça-feira (12), diretores do Sindicato dos Trabalhadores do Ramo Financeiro do Estado do Amapá (Sintraf-AP), foram às ruas de Macapá reivindicar mais saúde para todos. O ato contou com entrega de panfletos sobre a campanha “Menos Metas, Mais Saúde” e fala dos dirigentes em frente a agências bancárias.


O objetivo da ação é alertar e conscientizar a população sobre a importância da atenção à saúde mental e cobrar das empresas e bancos uma maior atenção à saúde dos trabalhadores, incentivando o debate e a solidariedade.


O Presidente do Sintraf/AP, Samuel Bastos, fala sobre a importância do debate acerca da saúde mental no trabalho. “É imprescindível abordar a questão da saúde mental nos tempos atuais, uma vez que se tornou a principal causa dos afastamentos do ambiente de trabalho, crescendo de forma alarmante. Todos nós temos a responsabilidade de nos engajar nesse debate essencial, porém, a principal responsabilidade recai sobre as empresas, que devem criar um ambiente de trabalho saudável, livre de assédio e outras fontes de estresse para as trabalhadoras e trabalhadores”, comenta.


A Consulta Nacional dos Bancários deste ano revelou que 40% dos trabalhadores do ramo financeiro fazem uso de medicamentos controlados, o que demonstra que é urgente uma mudança na estrutura de trabalho que gera adoecimento no setor.


“É fundamental que todas e todos saibam da importância do diálogo e da atenção sobre saúde mental como um todo, e os reflexos que um trabalho adoecedor gera na vida das pessoas. Tratar da conscientização traz resultados positivos, autoconhecimento e de suporte a quem precisa”, pontua a Secretária Geral do Sintraf/AP, Bruna Athayde.


Menos Metas, Mais Saúde


Neste mês de setembro, a Confederação Nacional de Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) aliou a Campanha Menos Metas, Mais Saúde à Campanha Setembro Amarelo com o intuito de reforçar a atenção a saúde mental das trabalhadoras e trabalhadores, pauta recorrente nas mesas de negociações sindicais.


A diretora de Saúde, Dayane Machado, comenta sobre a ação. “No dia 12 , os sindicatos de todo o Brasil se mobilizaram e foram até as agências bancárias para destacar a importância de valorizar a vida, com o lema "A vida acima do lucro". O objetivo é enfatizar que a vida e a saúde dos trabalhadores valem muito mais do que os bilhões de lucros acumulados pelo sistema financeiro. Como representantes das trabalhadoras e trabalhadores, estamos sempre disponíveis para discutir, acolher e apoiar a categoria”, explica.


Que continua. “A sua luta é a nossa luta! Juntos continuaremos buscando um ambiente de trabalho mais justo e seguro para todos”, finaliza a dirigente.


8 views0 comments

Comments


bottom of page