top of page
  • sintrafap

Contraf-CUT lança concurso de crônicas sobre os 40 anos da CUT

Podem participar dirigentes sindicais, e tema deve ser ligado à história da Central

A Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) lança na próxima segunda-feira (28) o Concurso de Crônicas CUT 40 anos. O tema deve ser voltado à história dos 40 anos de existência da Central Única dos Trabalhadores (CUT), com relatos que tenham pertinência com a trajetória da Central, objetivando resgatar através de relatos pessoais uma parte da luta da categoria bancária junto a CUT. Para participar, o concorrente tem de ser dirigente, funcionário ou jornalista de entidade sindical parceira da Contraf-CUT. Se aposentado ou militante, a entidade deve enviar a comprovação de vínculo ou origem. O participante deverá enviar entre segunda-feira e o dia 20 de setembro uma crônica de sua autoria, cujo texto ainda não tenha sido premiado ou publicado em qualquer meio de comunicação, para o e-mail cultura@contrafcut.org.br, com o nome completo, CPF, RG e entidade sindical a qual é filiado.


O que é a crônica


Nesta sexta-feira (25), o portal da Contraf-CUT publicará duas matérias específicas sobre o estilo do texto crônica, com sua história, características e os principais cronistas do Brasil, para orientar quem deseja participar do concurso.


Critérios para avaliação


Os critérios para avaliação das obras inscritas serão originalidade e autenticidade. A narrativa poderá estar em primeira ou terceira pessoa. A crônica deverá ser apresentada, obrigatoriamente, em um arquivo em formato PDF, escrito em língua portuguesa, digitado em espaço 1,5, com fonte Arial, no tamanho 12. A crônica inscrita deverá ter de três a quatro mil toques, incluindo espaços, de tamanho mínimo e máximo. A inscrição é individual. O arquivo da crônica, anexado no e-mail, não poderá conter o nome do autor na obra. Leia aqui o regulamento completo.


Premiação


O concurso irá premiar os três primeiros colocados. O vencedor vai levar um E-book e um voucher de R$400,00. O segundo e o terceiro ganharão um voucher de R$300,00.


Comissão julgadora


A comissão será composta por três pessoas: um jornalista, uma professora de língua portuguesa e um dirigente sindical com vasta trajetória de luta.


Fonte: Contraf-CUT

5 views0 comments

Comments


bottom of page