top of page
  • sintrafap

Contraf-CUT cobra Fenaban sobre expediente em dias de jogos da seleção feminina

Governo federal deve publicar decreto, na edição desta terça (18) do Diário Oficial da União, que concede ponto facultativo em jogos da Seleção na Copa do Mundo Feminina

A Confederação Nacional dos Trabalhadores do Ramo Financeiro (Contraf-CUT) enviou à Federação Nacional dos Bancos (Fenaban) um pedido cobrando posicionamento sobre expediente especial em dias de jogos da Seleção Brasileira Feminina de Futebol, durante a Copa do Mundo, que será disputada na Austrália e na Nova Zelândia, a partir do dia 20 de julho – o primeiro jogo do Brasil está marcado para segunda-feira, dia 24. “Desde que o governo federal anunciou, semana passada, que decidiu decretar ponto facultativo, diversas empresas anunciaram que irão liberar os funcionários para assistir aos jogos da copa feminina. Mas, até o momento, os bancos não se manifestaram. Por isso encaminhamos um pedido à Fenaban e vamos começar a cobrar banco a banco por um posicionamento”, explicou a presidenta da Contraf-CUT e vice-presidenta da CUT, Juvandia Moreira. O governo deve publicar nesta terça-feira (18), no Diário Oficial da União, o decreto que concede ponto facultativo em jogos da seleção feminina. Esta é a primeira vez na história que a medida é adotada no campeonato disputado pelas mulheres, a pedido da ministra do Esporte Ana Moser. Tradicionalmente, o ponto facultativo é adotado apenas para Copa do Mundo de equipes masculinas. Ainda na semana passada, logo após o anúncio da medida nos meios de comunicação, empresas começaram a divulgar que irão liberar funcionários para acompanhar a disputa, nos dias em que o país entrar em campo.

Reflexo social

A secretária da Mulher da Contraf-CUT, Fernanda Lopes, avalia que a medida é fundamental não apenas como incentivo ao esporte, mas também para o empoderamento feminino. “A seleção feminina de futebol já trouxe muitos títulos ao país. Apesar de não ter conquistado uma Copa do Mundo, ainda, as mulheres estiveram em todas as copas da Fifa, desde a primeira edição, em 1991, e são as maiores campeãs da Copa América, com oito títulos”, completou Fernanda Lopes. “Esse empoderamento, das mulheres nos jogos, também é necessário para rediscutir a nossa posição como influenciadoras no esporte e corrigir a grande disparidade financeira, porque os homens são, disparadamente, os mais bem remunerados na maioria dos esportes. Esse cenário, é um reflexo da sociedade como um todo, que ainda remunera menos as mulheres do que os homens, ainda que estejam nos mesmos cargos e tenham o mesmo grau de escolaridade”, completou. Confira os horários da Seleção Brasileira na fase de grupos da Copa do Mundo Feminina 2023:


BRASIL x PANAMÁ – 1ª rodada do grupo F Data: 24 de julho de 2023 (segunda-feira) Horário: 8h (de Brasília) Local: Hindmarsh Stadium, em Adelaide (AUS) Onde assistir: Globo, SporTV, Globoplay e CazéTV

BRASIL X FRANÇA – 2ª rodada do Grupo F Data: 29 de julho de 2023 (sábado) Horário: 7h (de Brasília) Local: Brisbane Stadium, em Brisbane (AUS) Onde assistir: Globo, SporTV, Globoplay e CazéTV

BRASIL X JAMAICA – 3ª rodada do Grupo F Data: 2 de agosto de 2023 (quarta-feira) Horário: 7h (de Brasília) Local: Melbourne Rectangular, em Melbourne (AUS) Onde assistir: Globo, SporTV, Globoplay e CazéTV


Fonte: Contraf-CUT

Comentarios


bottom of page